terça-feira, 30 de janeiro de 2018

UFRGS - 2018 - Questão 16

Uma fonte de tensão cuja força eletromotriz é de 15 V tem resistência interna de 5Ω. A fonte está ligada em série com uma lâmpada incandescente e com um resistor. Medidas são realizadas e constata-se que a corrente elétrica que atravessa o resistor é de 0,20 A, e que a diferença de potencial na lâmpada é de 4 V. Nessa circunstância, as resistências elétricas da lâmpada e do resisto r valem, respectivamente,

(A) 0,8 Ω e 50 Ω.
(B) 20 Ω e 50 Ω.
(C) 0,8 Ω e 55 Ω.
(D) 20 Ω e 55 Ω.
(E) 20 Ω e 70 Ω.

Resolução:
Inicialmente calculamos a diferença de potencial no resistor.

Após cálculo da ddp podemos usar para calcular a resistência do resistor:


Da mesma forma calculamos a resistência do lâmpada:
Assim concluímos que a resistência da lâmpada é de 20Ω e do resistor é de 50Ω.
Resposta:
Item (B)
Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

UFRGS - 2018 - Questão 15

   Uma carga negativa Q é aproximada de uma esfera condutora isolada, eletricamente neutra. A esfera é, então, aterrada com um fio condutor.
    Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do enunciado abaixo, na ordem em que aparecem. 
   Se a carga Q for afastada para bem longe enquanto a esfera está aterrada, e, a seguir, for desfeito o aterramento, a esfera ficará________________ Por outro lado, se primeiramente o aterramento for desfeito e, depois, a carga Q for afastada, a esfera ficará ____________. 

(A) eletricamente neutra - positivamente carregada
(B) eletricamente neutra - negativamente carregada
(C) positivamente carregada - eletricamente neutra
(D) positivamente carregada - negativamente carregada
(E) negativamente carregada - positivamente carregada

Resolução:
      Ao aproximar a esfera carregada negativamente de outra neutra faz-se com que os elétrons migrem para a face oposta criando pólos elétricos neste corpo. Quando aterramos o corpo polarizado estes elétrons são expulsos do corpo fazendo que ele fique positivamente carregado. 
         Daí temos dois caminhos:
         Se afastarmos o corpo inicial carregado com carga Q sem tirar o aterramento é possibilitado que os elétrons migrem de volta para o corpo neutralizando-o novamente, ou seja, a esfera fica eletricamente neutra.
       Ou podemos primeiramente tirar o aterramento deixando a esfera isolada e ao afastarmos o corpo carregado a esfera permanece carregada com carga positiva. Ela fica positivamente carregada.
Resposta:
Item (A).

Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

UFRGS - 2018 - Questão 24

 Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do enunciado abaixo, na ordem em que aparecem. Quando um núcleo de urânio 238U92 absorve um nêutron, forma-se o núcleo 239U921 que é radioativo com meia-vida de 24 minutos. Núcleos de urânio 239U92 emitem radiação ........ , transformando-se em núcleos de netúnio 239Np93. Esse isótopo de netúnio também é radioativo com meia-vida de 2,3 dias. Ao emitirem radiação ........ , os núcleos de netúnio 239Np93 transformam-se em núcleos de plutônio 239PU94, cuja meia-vida é cerca de 24.000 anos.
(A) α-β
(B) α-γ
(C) β-α
(D) β-β
(E) β-γ
Resolução:
A partícula α tem carga +2 e massa 4 o que significa que ao ser emitida altera do átomo pai para o átomo filho na massa e na carga.
A partícula β tem carga -1 se for partícula -β, ou +1 se for partícula +β, esta partícula altera a carga sem alterar a massa.
A partícula γ apresenta massa e carga nulas, o que significa que ambas não sofrerão alteração após a emissão.
Na primeira emissão o 239U92 passa para  239Np93 alterando apenas o seu número de carga sem alterar a massa, sendo assim uma emissão β.
Na segunda emissão 239Np93 transforma-se em 239PU94 também é alterado o fator da carga. Assim também é um decaimento Beta.

Nos dois decaimentos foram alteradas as cargas sem alterar a massa, assim sendo as duas emissões emissões do tipo β.
Resposta:
Item (D).
Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

UFRGS - 2018 - Questão 21

Existe uma possibilidade de mudar a frequência de uma onda eletromagnética por simples reflexão.  Se a superfície refletora estiver em movimento de aproximação ou afastamento da fonte emissora, a onda refletida terá, respectivamente, frequência maior ou menor do que a onda original. Esse fenômeno, utilizado pelos radares (RaDAR é uma sigla de origem inglesa: Radio Detection And Ranging), é conhecido como efeito

(A) Doppler.
(B) Faraday.
(C) Fotoelétrico.
(D) Magnus.
(E) Zeeman.

Resolução:
Ao movimentar um receptor com relação à fonte, afastando-o, por exemplo, ela recebe menos ondas a cada instante de tempo, isso significa que a frequência da onda recebida é cada vez menor que a frequência da onda emitida. No caso em que a fonte se aproxima do receptor a quantidade de ondas recebidas aumenta, aumentando a frequência das ondas. Este é o chamado efeito doppler, fenômeno da alteração da frequência da onda provocada pelo movimento relativo onda/receptor.
Resposta:
Item (A).

Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

UFRGS - 2018 - Questão 25

Dilatação temporal e contração espacial são conceitos que decorrem da

(A) Teoria Especial da Relatividade.
(B) Termodinâmica.
(C) Mecânica Newtoniana.
(D) Teoria Atômica de Bohr.
(E) Mecânica Quântica.

Resolução:
O princípio que prevê o tempo como grandeza física não absoluta é consequência da velocidade da luz ser a mesma para qualquer referencial inercial. Esta premissa básica foi pensada por Albert Einstein e levada ao conhecimento em seu artigo sobre a teoria especial dar elatividade.
Resposta: 
Item (A).
Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

domingo, 28 de janeiro de 2018

UFRGS - 2018 -Questão 04

Considere as afirmações abaixo, sobre o sistema Terra-Lua. 
I - Para acontecer um eclipse lunar, a Lua deve estar na fase Cheia. 
II - Quando acontece um eclipse solar, a Terra está entre o Sol e a Lua.
III- Da Terra, vê-se sempre a mesma face da Lua, porque a Lua gira em torno do próprio eixo no mesmo tempo em que gira em torno da Terra. 
Quais estão corretas? 
(A) Apenas I 
(B) Apenas II. 
(C) Apenas I e III. 
(D) Apenas II e III. 
(E) I, II e III.  
Resolução:
Afirmação I:
Para que haja eclipse lunar a lua deve esconder-se na sombra da Terra, no eclipse lunar a Lua está iluminada pelo Sol e entra na sombra projetada pela Terra. A face visível da Lua é iluminada pelo Sol durante a noite e a Lua está no céu durante a noite durante a sua fase cheia.
Afirmativa correta.

Afirmação II:
No eclipse solar a sombra da Lua é projetada sobre a Terra. Isso se deve quando a Lua encontra-se entre a Terra e o Sol.
Afirmação incorreta.

Afirmação III:
A Lua e a Terra apresentam uma característica chamada rotação sincronizada. A teoria mais aceita dá conta de que esta rotação tem origem no instante em que parte da Terra é arrancado por um meteoro. Isso faz com que a face da Lua que está na direção da Terra seja sempre a mesma.
Afirmação correta.


Resposta item (C)
Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

UFRGS 2016 - QUestão 20

Um feixe de luz branca incide em uma das faces de um prisma de vidro imerso no ar. Após atravessar o prisma, o feixe emergente exibe um conjunto de raios de luz de diversas cores.

Na figura abaixo, estão representados apenas três raios correspondentes às cores azul, verde e vermelha.
A partir dessa configuração, os raios 1, 2 e 3 correspondem, respectivamente, às cores

(A) vermelha, verde e azul.
(B) vermelha, azul e verde.
(C) verde, vermelha e azul.
(D) azul, verde e vermelha.
(E) azul, vermelha e verde.
Resolução:
No fenômeno da refração o comprimento de onda que sofre desvio aproximando-se mais da normal quando passa do ar para o vidro é o lilás, e o que que se aproxima menos da normal é o vermelho.

Vemos que o raio de luz que mais se aproxima da normal é o raio 3 logo, este é o azul(entres os comprimentos de onda é o mais próximo do lilás), o raio de luz 1 é o que menos se aproxima da normal, logo corresponde ao raio de luz vermelho, assim o verde é o raio de comprimento de onda intermediário se referindo ao raio de luz 2.
Assim raio 1 corresponde ao vermelho, raio 2 corresponde ao verde e raio 3 corresponde ao azul.
Resposta: item A.



Se você gostou desta publicação me ajude a produzir mais publicações. apoie-me: Campanha Coisas de Físico: https://apoia.se/10213499416137348